Policial militar afirma que atirou em cachorro que invadiu creche no Colinas do Sul, em João Pessoa

1 ago 2023 - Paraíba

Cachorro invade escola após ser atingido por dois tiros, em João Pessoa — Foto: Reprodução: Coordenadoria de Bem-Estar Animal de João Pessoa

Um policial militar se apresentou à Polícia Civil, na sexta-feira (28), após balear um cachorro da raça rottweiler com dois tiros na cabeça. O animal ferido invadiu uma creche, na quarta-feira (27), no bairro Colinas do Sul, em João Pessoa.

Segundo o coordenador de Bem-Estar Animal, Ítalo Oliveira, o homem afirmou que estava passeando com o animal e pretendia atirar em outro cachorro que atacou o rottweiler. O caso será investigado pela Polícia Civil.

O animal não voltou para a tutela do policial militar. Segundo Ítalo Oliveira, após o fim do inquérito, a Justiça deve decidir se o cachorro será encaminhado para adoção ou se voltará para o tutor.

A equipe de zoonoses foi acionada para retirar o animal da creche e levou o animal para a Clínica Pet Municipal, onde ele foi medicado e fez um exame que identificou os fragmentos das balas. O cachorro foi atingido com um tiro na região superior da cabeça e outro na região da orelha que transfixou pela boca.

O animal realizou nesta terça-feira (1º) a segunda cirurgia para retirar os fragmentos de projéteis que ficaram alojados na cabeça. De acordo com a médica veterinária responsável pelo atendimento, o ferimento não deixará sequelas no animal.

Acompanhe as notícias do POVOPB pelas redes sociais: Instagram e Twitter.

Verified by ExactMetrics